Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria

“Tristeza e Alegria” (2013) é um filme dinamarquês e foi o último trabalho do diretor Nils Malmros para fechar sua carreira. Esse filme não é indicado para todo tipo de público, a estória é contada através de flashbacks, em um ritmo lento e carregado por todos os conflitos e perturbação emocional de Signe (Helle Fagralid), que mata sua própria filha após um surto psicótico. Isso mesmo, esse é um filme pesado que mostra de perto a vida de uma mulher que é diagnosticada com psicose maníaco-depressiva, antigo nome usado para denominar o transtorno bipolar.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
Signe

Impossível não sentir nenhuma revolta em algum momento da estória, pois a intenção é justamente essa. Supreendentemente, após o assassinato da pequena Maria de 9 meses, todas pessoas que conheciam Signe resolvem de forma imediata, ajudar ela à voltar logo para sociedade e continuar sua vida normalmente como antes.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
Alunos de Signe

Signe era professora de ensino infantil, e todos os pais dos alunos se reúnem para fazer um abaixo-assinado e pedir a volta da professora tão querida, identificada já como culpada pelo sistema penal. Depois do assassinato, começa uma luta para que ela tenha que cumprir como pena, o tratamento psiquiátrico numa instituição com intuito de eliminar a chance dela ir direta para a prisão psiquiátrica.

Durante a entrevista em que o psiquiatra forense Birkemose (Nicolas Bro) faz com o marido de Signe. Johannes (Jakob Cedergren) relembra todo o relacionamento através de flashbacks até o momento final e trágico, em que sua esposa corta a garganta da pequena Maria.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
O primeiro encontro
Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
O casamento
Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
Verão em que Johannes se sentiu mais feliz após o nascimento da filha.

O relacionamento entre Signe e Johannes sempre foi conturbado, ela era insegura, tinha ideias persecutórias, variava seu humor constantemente, fazia ameaças de abandono e chantagens emocionais. Enquanto levava uma vida pacata, seu marido estava sempre com os holofotes acesos em sua direção, diretor de cinema, ele era aclamado por todos e tinha um afeto grande pela atriz adolescente de 16 anos chamada Iben (Maja Dybboe), o que se tornou o estopim para o surto psicótico de Signe.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
Signe no trabalho de Johannes.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
Premiação em que Johannes aparece ao lado da atriz Iben.

Psicótica, ela julgava a adolescente Iben pelos pensamentos que passavam em sua própria mente, sentindo seu casamento ameaçado a todo momento, ela jurava que Iben tinha más intenções com seu marido. Isso acontecia devido às próprias atitudes de Signe quando adolescente. No passado, ela seduziu seu professor para despertar o ciúme na esposa dele que estava grávida, mais tarde ela traiu seu namorado com o professor, depois que fez uma dança nua no escritório dele, mostrando o comportamento promíscuo da personagem Signe, que agora se sentia na mesma condição da esposa grávida do antigo professor.

O comportamento da personagem bipolar era autodestrutivo, já havia tentado se matar quando era mais nova ao cortar os pulsos, em sua família seu tio se suicidou e seu pai tinha um quadro de depressão grave. A mãe de Signe era ausente e largava a filha para o mundo cuidar, se tornando de alguma forma responsável pelo desenvolvimento do transtorno bipolar na filha.

Realmente, Johannes gostava muito da esposa Signe, apesar de ter defeitos como qualquer ser humano, ele soube suportar os momentos conturbados da relação. Sua esposa era um tanto invasiva ao aparecer de surpresa em seu trabalho e até mesmo com as malas prontas para morar com Johannes sem ao menos conversar sobre isso antes e perguntar se ele queria. Não só impulsiva, Signe também apresentava a ambivalência de sentimentos em relação ao marido, ora o amava, ora o odiava, inclusive, o culpou por ter matado a filha, dizendo que havia feito isso para se livrar do marido ao destruir a única coisa que os unia.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
Visita de Johannes na instituição psiquiátrica onde Signe estava internada.

O filme dinamarquês desperta vários questionamentos no público, por exemplo: Se você estivesse no lugar de Johannes, se casaria e teria filhos com Signe? Defenderia a esposa para que ela pudesse voltar à sociedade o mais rápido possível? Continuaria casado com ela, mesmo depois de tudo?

A personagem central ao mesmo tempo que se mostra frágil e amorosa também é muito cruel e perturbadora, transformando a vida do marido de ponta-cabeça. Ela diz que Johannes a controlava, porém ele dava palpites em sua vida como qualquer pessoa, e ela já se rendia as desaprovações dele como uma pessoa insegura que precisa da aprovação do marido em tudo.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
Momento antes do surto psicótico.

O maior erro de Johannes foi ter falado no começo do relacionamento que Signe não precisava continuar tomando o medicamento Lítio, pois considerava que ela estava bem. Como Signe era impulsiva, ela jogou fora imediatamente o medicamento que fazia uso há 10 anos. Da mesma forma que uma doença física, o transtorno mental também necessita de tratamento, Signe estava bem justamente pela estabilidade que o tratamento psiquiátrico proporcionava à ela e, quando isso foi deixado de lado, a tragédia foi se aproximando cada dia que passava sem o uso do medicamento.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe

CURIOSIDADE – o motivo real do filme “Tristeza e Alegria” 

A estória de Johannes é na verdade um trabalho de sublimação (mecanismo de defesa da mente) que o próprio diretor do filme fez com a tragédia que marcou sua vida no ano de 1984. Em sua obra autobiográfica, Nils Malmros explorou seu sofrimento, para que pudesse elaborar todos seus sentimentos reprimidos e traumáticos através de “Tristeza e Alegria”, fechando um ciclo, pois foi seu último filme e nele mostrou o lado obscuro de sua vida.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe
O diretor Nils Malmros com sua esposa Marianne Tromholt e sua filha falecida Anne.

Claramente, se o marido e a família tivesse abandonado ela, nunca mais retornaria sua vida e seu quadro de transtorno bipolar pioraria, pois estaria reclusa não apenas por ir direto para a prisão psiquiátrica, mas também por perder o contato e ser rejeitada pelas pessoas do seu passado. Acredito que ele fez isso por amor e por se sentir responsável também pela morte da filha, já que ela estava sem os remédios como ele sugeriu, estava em crise e sozinha enquanto ele saiu para um compromisso e foi cuidar de sua carreira.

Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria - blog de psicologia Melkberg - diretor - esposa - filha - filme - Johannes - Nils Malmros - personagem - transtorno bipolar - Tristeza e Alegria - Signe

Nós somos os culpados por não ter cuidado de você.

Fala do personagem Johannes, o alter ego de Malmros.

Trailer do filme “Tristeza e Alegria” 

Anúncios

2 comentários sobre “Filme de Nils Malmros: Tristeza e Alegria

  1. Fiquei bem interessada, não conhecia sobre esse filme. Estou lendo “A Menina da Montanha”, uma autobiografia de uma mulher que foi criada por um pai, que provavelmente era bipolar, mas nunca foi diagnosticado. Nesse caso, o pai era um fanático religioso, tinha visões proféticas e acreditava em um monte de teorias da conspiração. Eu fico muito tocada como as pessoas sofrem por não procurarem tratamentos adequados para as doenças psíquicas. Bjs!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Que bom! Esse filme realmente não é divulgado. ☺ eu tô querendo ler esse livro kkk ouvi dizer que é uma história de superação, e que a mulher tem muitas dificuldade com seu pai. Muito triste, me sinto inconformada que as pessoas de hoje ainda tem resistência e preconceito na hora de cuidar da saúde mental e seguir um tratamento quando necessário, por isso que quanto mais informação, melhor. Adorei seu comentário 😘 Bjs!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s