Teste DISC de William Marston: Saiba avaliar seu perfil comportamental

Mais um teste para os leitores do Melkberg. Esse daqui se chama DISC, você conhece? O Teste DISC é famoso e mais famoso que ele é seu criador. William Moulton Marston, esse nome te traz alguma associação? Para quem não sabe William Marston, foi o criador do Teste DISC, Teste de Pressão Arterial Sistólica usado como detector de mentiras (polígrafo) e também… da “Mulher-Maravilha”, isso mesmo que você leu, muito inusitado esse fato, não é mesmo?

Teste DISC de William Marston: Saiba avaliar seu perfil comportamental - blog de psicologia Melkberg - teste Disc - pessoas - William Marston - perfil comportamental - padrão de comportamento - perfil de comportamento - avaliar - resultado - influência - dominância - estabilidade - conformidade - criador - DISC - teste DISC

Teste DISC de William Marston: Saiba avaliar seu perfil comportamental - blog de psicologia Melkberg - teste Disc - pessoas - William Marston - perfil comportamental - padrão de comportamento - perfil de comportamento - avaliar - resultado - influência - dominância - estabilidade - conformidade - criador - DISC - teste DISC

Teste DISC de William Marston

Avaliação do perfil comportamental

O criador do teste DISC foi um psicólogo norte-americano, professor e PhD em Psicologia pela Universidade de Harvard, chamado William Marston. Ele elaborou esse instrumento com a finalidade de avaliar a personalidade/comportamento das pessoas, que são divididas em quatro perfis: Dominância (D), Influência (I), eStabilidade (S) e Conformidade (C).

William Marston estudou o comportamento dos indivíduos “normais”, parece estranho dizer isso, mas até então os estudiosos avaliavam indivíduos que somente apresentavam alguma patologia ou desvio comportamental. Após a publicação do livro As Emoções das Pessoas Normais, em 1928, William Marston formulou toda a teoria envolvida no teste DISC. No entanto, infelizmente, sua teoria foi ignorada por mais de vinte anos. Somente nos anos 50, a primeira versão do teste DISC foi aplicada por Walter Clarke, baseando-se no livro “As Emoções das Pessoas Normais“. Depois disso, o Teste DISC se tornou uma das metodologias mais aplicadas no mercado de avaliações do comportamento humano.

Teste DISC de William Marston: Saiba avaliar seu perfil comportamental - blog de psicologia Melkberg - teste Disc - pessoas - William Marston - perfil comportamental - padrão de comportamento - perfil de comportamento - avaliar - resultado - influência - dominância - estabilidade - conformidade - criador - DISC - teste DISC

Curiosamente, no livro “As Emoções das Pessoas Normais“, William Marston defendia a ideia de que o mundo seria melhor se fosse liderado pelas mulheres devido aos resultados delas no teste DISC. Além disso, durante o uso do detector de mentiras, ele declarou que em suas experiências, as mulheres eram mais honestas e confiáveis do que os homens. Sua esposa Elizabeth Holloway Marston, que também era psicóloga o ajudou bastante na criação do detector de mentiras. Muitas foram suas inspirações para a criação da “Mulher-Maravilha”.

9 motivos para fazer o Teste DISC

O Teste DISC é um instrumento excelente para: (1) Você se conhecer melhor e identificar seus pontos fortes e fracos; (2) Identificar suas características que te auxiliam na carreira; (3) Descrever e prever a maneira como uma pessoa age em determinada circunstância; (4) Apontar suas motivações; (5) Descobrir como uma pessoas interage com as outras pessoas; (6) Reconhecer os possíveis comportamentos que podem ser limitantes e prejudicarem seus objetivos e suas metas; (7) Avaliar candidatos antes da contratação e evitar futuras demissões; (8) Aplicar à sua equipe atual, identificando os padrões de comportamento desejáveis em futuros membros para o processo de recrutamento; (9) Ajudar pessoas e suas organizações a serem mais produtivos e motivados no ambiente laboral.

As pessoas são contratadas pelas suas habilidades técnicas, mas são demitidas pelos seus comportamentos.
Peter Drucker

Teste DISC de William Marston: Saiba avaliar seu perfil comportamental - blog de psicologia Melkberg - teste Disc - pessoas - William Marston - perfil comportamental - padrão de comportamento - perfil de comportamento - avaliar - resultado - influência - dominância - estabilidade - conformidade - criador - DISC - teste DISC

Teste DISC: Como avaliar?

A forma mais comum de aplicação do Teste DISC é através do questionário impresso (realizado por escrita) ou automatizado (por meio de softwares/sites dos principais fornecedores especializados na aplicação de testes de comportamento).

As perguntas devem ser respondidas de modo automático, sem pensar muito, pois a intenção é avaliar o seu comportamento instintivo. Desse modo, o sujeito irá responder perguntas ligadas às preferências e necessidades pessoais, opiniões, como enxerga a realidade e suas preocupações.

O objetivo desse instrumento é identificar o perfil comportamental da pessoa, ao preencher o questionário ela indicará ao experimentador qual dos quatro perfis de comportamento (Dominância, Influência, Estabilidade e Conformidade) ela mais se aproxima e mais se distancia. Basicamente, podemos dizer que esses comportamentos são definidos respectivamente, por: Assertividade, Comunicação, Paciência e Estrutura.

Significado do padrão de comportamento 

Ao final da avaliação do teste DISC, o resultado mostrará qual padrão de comportamento avaliado é predominante em cada pessoa.

D (Dominância) – como você lida com problemas, decisões e poder. Busca resultado. Motivado por desafios e eficácia.

I (Influência) – como você lida com as pessoas, como influencia elas e se comunica. Busca relacionamento. Motivado por liberdade e criatividade.

S (Estabilidade) – como é a sua capacidade de escuta, empatia e como lida com mudanças. Busca colaboração. Motivado por segurança e lealdade.

C (Conformidade) – como analisa, lida com regras e procedimentos. Busca precisão. Motivado por altos padrões e eficiência.

Teste DISC de William Marston: Saiba avaliar seu perfil comportamental - blog de psicologia Melkberg - teste Disc - pessoas - William Marston - perfil comportamental - padrão de comportamento - perfil de comportamento - avaliar - resultado - influência - dominância - estabilidade - conformidade - criador - DISC - teste DISC

Pontos fracos e fortes de cada perfil comportamental

D (dominância) – pessoas rápidas, competitivas e focadas em resultados. Podem ser vistos pelos outros, como pessoas fortes ou até rudes. Quando estão sob pressão podem apresentar falta de empatia pelo outro e serem egocêntricas, por não se importarem com o que os outros irão pensar ou sentir. Gostam de estar no controle de tudo e são dominadoras. São exigentes, determinadas, ativas para conquistarem suas metas. Possuem qualidades para serem empreendedoras e líderes.

I (influência) – pessoas comunicativas, motivadoras, extrovertidas, otimistas e entusiasmadas, por isso elas conseguem influenciar os outros facilmente para seguirem suas ideias, mesmo que elas próprias desistam do que achavam. Apresentam maior dificuldade para cumprir metas. Não gostam de trabalhar sozinhas, e não são detalhistas. São pessoas mais emotivas. Podem ser vistas pelos outros como superficiais.

S (estabilidade) – pessoas estáveis que lidam da melhor forma com a rotina, gostam de trabalhos mais calmos e que exigem paciência. São reservadas e gostam de interagir somente com pessoas conhecidas. Podem ser sistemáticas, organizadas e persistentes. Necessitam de segurança e previsibilidade. Podem ser inseguras, acomodadas, não tomarem iniciativas e terem medo de mudanças. Valorizam a família, amigos e sua equipe.

C (conformidade) – pessoas disciplinadas, que cumprem regras e normas facilmente. São os mais cuidadosos e analíticos de todos, se concentram nos detalhes, fatos, informações e provas. Desejam a perfeição em suas tarefas, centralizando seus objetivos. Por necessitarem iniciar suas tarefas sempre da maneira corretas, elas demoram mais tempo antes de agir, por isso o perfeccionismo pode levar a uma estagnação.

Teste DISC de William Marston: Saiba avaliar seu perfil comportamental - blog de psicologia Melkberg - teste Disc - pessoas - William Marston - perfil comportamental - padrão de comportamento - perfil de comportamento - avaliar - resultado - influência - dominância - estabilidade - conformidade - criador - DISC - teste DISC

Resultado

Resumidamente, ninguém é 100% um padrão comportamental, todos nós costumamos ter dois tipos de padrões de comportamento bem fortes, mas apenas um predominará no resultado. Nenhum perfil comportamental (D-I-S-C) é melhor ou pior que o outro. Nada será decisivo para determinar o que alguém poderá realizar ou não, se será bem sucedido ou não, apenas irá apontar a tendência das pessoas e suas preferências no momento de escolha e tarefa.

Pessoas bem sucedidas são aquelas que se conhecem muito bem e podem assim potencializar seus pontos fortes e melhorar seus pontos fracos, enaltecendo seu desenvolvimento humano.

Como disse anteriormente, o perfil comportamental predominante não será decisivo para avaliar nossas atitudes, pois existem variados fatores envolvidos nisso, como: maturidade, educação, ética, inteligência, experiências de vida e etc. Somos seres complexos, únicos e imprevisíveis, muitas vezes agimos pela emoção, por isso que o padrão comportamental apontado no final do teste não vai significar que você irá reagir da mesma forma que todas pessoas com o mesmo padrão no teste DISC.

Outro ponto importante, não é seguro 100% avaliar nossas relações pessoais através dos resultados apresentados. O sucesso ou insucesso nas relações pessoais não será decisivo de acordo com padrão comportamental igual ou diferente da outra pessoa. Relacionamentos pessoais envolvem muitos sentimentos, por isso o Teste DISC é mais indicado para sua carreira profissional.

PARA FAZER O TESTE DISC ONLINE, BASTA CLICAR AQUI!

Finalizando…

William Marston foi muito polêmico e muito criticado, tentaram denegrir sua imagem e de sua família de diversas maneiras, devido às atitudes contrárias aos costumes da sociedade. William Marston tinha um relacionamento poligâmico assumido com Elizabeth Holloway Marston (psicóloga e sua esposa) e Olive Byrne (que era sua aluna), ambas participaram de seus inventos e fortaleceram seu trabalho acadêmico. Para conhecer mais sobre a história e trajetória de William Marston, aconselho que assistam a esse filme…

Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas 

Gostou do Teste DISC? Qual perfil comportamental é o seu? Dominante? Influente? Estável? Complacente? Não esquece de deixar seu like e comentário para mim :)

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s