Larga dessa, Desconecte-se! Razões para estar menos conectado

Ano 2018 começando, e você continua super conectado, será que o conteúdo que te deixa ocupado, merece tanto a sua atenção? Que tal você ficar mais conectado com a vida real, a partir de agora? Todos já fizeram suas promessas e ainda dá tempo de você colocar essa em sua lista. Para cumprir todas essas metas de começo de ano, nada melhor que estar em conexão com elas, o ano vai passando e a dependência com o mundo virtual, acaba deixando sua vida real de lado. 

Já parou para perceber que as melhores ideias surgem quando você está desconectado das redes sociais, aplicativos e internet? Aquele momento durante o banho, o esperar do sono vir enquanto está na cama, aquela falta de luz que nos surpreende e nos deixam desamparados pela net, todos esse momentos e muitos outros que a nos trazem a falsa ideia de “não tenho nada para fazer” podem ser os mais produtivos para você, pois o ócio é produtivo!

Tire um período sabático, essa pode ser outra forma de se beneficiar longe dos aparelhos eletrônicos, sendo uma excelente chance de se conhecer melhor, o autoconhecimento é libertador, ele dá a luz para vários questionamentos que você não resolvia antes e também quando você se conhece melhor, você passa a ser menos rígido com os outros e deixa de esperar alguma atitude deles em relação à sua pessoa, se concentrando mais em sua própria existência.

Como anda seu nível de ansiedade? Muitos pensam que ficar alguns minutos ou até mesmo horas no smartphone é relaxante, mas isso é mero engano. Nós nos enganamos, a sensação pode ser essa, porém isso se torna um mal hábito e todo hábito prejudicial ao seu crescimento vira um ciclo de dependência que desencadeia sensações desagradáveis como a forte ansiedade, por isso que você sempre volta pro smartphone, para conseguir a primeira sensação de prazer que obteve no início, esse é o mecanismo de recompensa nas compulsões. [PARA SABER MAIS, LEIA ESSE POST!]] Você pode ser considerado alguém dependente da internet e se não consegue ficar algumas horas longe disso, procure uma terapia.

Larga dessa, Desconecte-se! Razões para estar menos conectado blog de psicologia Melkberg - ansiedade - conectado - dependência - smartphone - hábito - corpo

A vida é tão valiosa, por que deixar ela passar desapercebida, enquanto segura um aparelho eletrônico? Viva mais a vida, sinta ela e curta os prazer que podem ser proporcionados longe do smartphone ou tablet. Como seria enxergar esse mal hábito através de outra perspectiva? Foi isso que fez o fotógrafo Eric Pickersgill, ele criou uma série fotográfica chamada Removed, em que retirou o smartphone e tablet de várias pessoas que costumam estar com esse aparelhos na mão, enquanto a vida passa. Perceba como esse comportamento parece um tanto bizarro, clicando aqui!

Curta suas relações pessoais, uma conversa cara a cara, um bate papo que pode te engrandecer. Os relacionamentos interpessoais são necessários para o bem estar, e a forma de isolamento social que esse mal hábito acompanha, provoca o adoecimento da mente e também do nosso corpo, pois você acaba mudando suas prioridades conforme o avanço da dependência.

Larga dessa, Desconecte-se! Razões para estar menos conectado  blog de psicologia Melkberg - ansiedade - conectado - dependência - smartphone - hábito - corpo

Seu corpo agradece! A posição em que a cabeça fica projetada para olhar as telas, faz o pescoço ficar sobrecarregado. Como a cabeça é uma das partes mais pesadas do corpo humano, passar muito tempo nessa posição, faz aumentar ainda mais o peso dela, provocando dores e o desgaste da cervical. Não para por aí, os olhos ficam constantemente abertos, você esquece de piscar, ficando irritados e vermelhos para processar tantas cores e o forte brilho da tela. As mãos e os dedos também ficam doloridos, ocasionando artrite e tendinite. Antes, esses desconfortos eram sentidos apenas pelos profissionais que trabalham com o computador, agora toda sociedade passa por isso, sem ter razões para sofrer esse mal estar.

Você sabia que a partir dos 24 anos o seu cérebro começa a ter suas funções comprometidas? Para rejuvenescê-lo e preservar suas habilidades mentais, aproveite quando bater aquela vontade de se distrair em frente às telas, e dê preferência aos aplicativos que estimulam a capacidade cerebral, como os cursos de línguas, jogos de raciocínio lógico e memória, e os aplicativos de meditação e bem estar.

Não vire um escravo das notificações, desative-as! Permita somente os alertas sobre o que for de extrema importância, ou será que realmente precisa ser avisado sobre tudo? Cada alerta produz na sua mente o efeito de ansiedade antecipatória, você acaba ficando à espera de qualquer toque. Não fique mais conectado que o próprio smartphone.   

Experimente deixar seu smartphone de lado por pelo menos um curto período e perceberá que não perdeu nada, ao contrário, vai ganhar mais um tempinho pra você mesmo, aproveite essa mudança e descubra como você era antes dele ;)

 

 

Imagens – Pinterest 

2 comentários sobre “Larga dessa, Desconecte-se! Razões para estar menos conectado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s