Lixo

Tenho passado esses últimos dias com meu celular quebrado. Quando ele quebrou, recebi uma certa dose de desamparo, me acalmei e tentei resolver meu problema, até agora, não consegui o que desejava, mas permaneço calma, essa é uma coisa tão pequena perto de tudo, isso não é nada.

Ultimamente por coincidência, tenho me questionado sobre o sentido de estar nas redes sociais e existe apenas um, meu blog de psicologia. Para acompanhar, entender mais sobre as redes sociais e divulgar meu trabalho, percebo proporcionamente o efeito negativo dessa plataforma em mim.

Preciso ser racional e não me deixar levar. Mesmo com imagens e propagandas de felicidade, ninguém é perfeito e feliz o tempo todo, também não há nada de errado quando sua realidade não vai lá muito bem, porque justamente não existe certo e errado, existe a vida e o viver, algo bem diferente e distante do que vemos por lá.

O que posso fazer é somente me proteger e me manter racional. Se quisesse viver uma existência significativa, meu celular e as redes sociais não deveriam ser cogitados. Só temos uma tentativa, só temos uma vida, mas parece que nos esquecemos e nem conseguiremos nos lembrar desse fato, pois durante o tempo que estivermos olhando para essas telas, não estaremos olhando para si mesmos e nem para imensidão ao nosso redor.

Se você, olha-se de longe e enxergasse sua vida passar enquanto você segura esse aparelho eletrônico chinês que, não custa nada e você paga uma “paulada” e, se desespera quando ele falha, mas e a sua própria falha, como que fica?

Jogar uma vida no lixo, uma vida que muitos queriam ter a oportunidade de viver, porém já tiveram a sentença de morte decretada pela medicina, eles dariam de tudo para viver e aproveitar a vida ao máximo e nós aqui, segurando essa matéria sem sentido, desprovida de sentimento e, mesmo assim, ainda consegue nos fazer sentir um lixo.

Não dê importância ao que não tem, não se compare ao que não é. Esse meio que você usa, consome sua energia, pense bem… não é você que está consumindo a dele. Você reseta, carrega, faz backup e com a sua vida, você faz o quê? Joga no lixo, nos dois sentidos. Faça isso, jogue no lixo o que não te serve e aproveite o que tem para buscar os anos perdidos, jogados antes no lixo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s